– Biatutty's Blog

De fora, parece muito simples a conclusão :)

Tipos de homens – parte II 24/11/2009

Filed under: Mulheres no Comando — - biatutty :) @ 11:09
Tags: , ,

Homem Guanabara

Aquele que faz TUDO por você, vou adiantar dizendo que esse tipo de homem não é nada interessante, pelo menos pra mim, passou um namorado Guanabara pela minha vida, cujo o nome causará constrangimento, pois ele lê meu blog (hahaha³). O tal Guanabara em minha vida era o C. ele além de ser um namorado grudento, era super romântico (não que eu não goste, mas ele era demais!), homem guanabara do tipo assumidíssimo e agia fielmente como tal: eu pedia me liga? Ele ligava; Eu falava chega mais cedo, ele chegava; Não fala com aquela garota, odeio ela, ele não falava mais. Eu, particularmente acho isso ridículo, eu gosto de homem que finge que não liga pra mim, acho que o desafio me estimula, já em outros casos, há mulheres que gostam dessa babação de ovo e se sente bem se o cara fizer tudo que ela pedir, tudo para envaidecer seu ego ou pelo prazer de mandar ao invés de apenas obedecer ou equilibrar essa questão. Bom, um carinha que realiza todos os seus desejos no começo pode causar deslumbramento mais depois ele se torna chato, monótono e o namoro fica rotineiro, e além de deixar estampado na cara que ele está mega gamado e submisso dá impressão de bobão, paspalho e outros adjetivos que minha vó usaria neste caso. Pra mim homem que age assim depois de já ter conquistado não tem personalidade, se deixa levar por um charme, por um biquinho, um dengo vez por outra é aceitável, mas sempre aí virou submissão e homem submisso pra mim é igualzinho a um outro tema que não convém citar nesse texto, mas que abordo em uma outra oportunidade.

Tem que haver um meio termo, é claro que o homem pode ceder, mas isso tem que existir de ambos os lados, eu sempre quis falar sobre esse assunto, sinceramente me incomodava muito as atitudes do C. eu gostava no começo, daquela sensação de poder, de tê-lo nas mãos, de mandar e desmandar, mas essa arma ao passar do tempo vai enferrujando, vai perdendo o sentido, se por exemplo você não gosta de filme de drama, não assista sempre pra agradar sua namorada imponha que ela assista seus filmes de terror também, proponha uma coisa nova, que saia das regras de quem comanda, senão pode acontecer o que aconteceu comigo, relaxei, eu sabia que não ia perdê-lo mesmo então eu nem evitava a oportunidade de sacaneá-lo, de sair com as amigas e não avisar… Coisas do tipo (eu fazia isso pra ele ficar chateado e se tocar, mas ele ficava ligando direto fingindo que nada tinha acontecido) e o amor é uma reconquista diária, é uma descoberta a cada beijo, é uma sensação nova a cada toque, o amor é você fazer o outro sentir calafrios com apenas um olhar, mas pra isso tem que acontecer o climáx do relacionamento e homem quando começa a obedecer uma vez, outra e mais outra vai obedecer sempre e se virar homem Guananabara filho, não vai chegar no climáx, e sim no afundáax.

Com meu último namorado, o benhe/falecido a relação era totalmente baseada no Não meio termo, total. Ele odeia filme, eu amo filme, uma vez chamei ele pra assistir ele não quis, nada impediu que eu visse, mas também ele não viu comigo. Eu queria sair, ele não, eu fui sozinha com as meninas e depois ele apareceu pra me buscar, ele sempre se manteve firme em todas as decisões e eu nunca dei pra trás, cada um ia até o final daquilo que falava e assim fomos levando até onde deu e não deu né? O motivo é simples falta de meio termo, eu poderia sair com ele ao invés de ver filme sozinha e encher a bunda de pipopa engordurada de Qualy, e ele também poderia ter chegado comigo na festa, mas por orgulho bobo e aquele receio de dar o braço a torcer justamente tentando evitar a “guanabarice” fiquei sem namorado (que por sinal amei muito), muitos casais se desfazem por esse motivo. Depois de ler esse texto, se você se encaixar no tema desse post, passe a agir diferente, começe a priorizar mais o que você quer fazer hoje, o que você quer conversar, aonde você quer ir, aceitando sempre uma sugestão do parceiro, cumplicidade, carinho, companheirismo, entendimento… Tudo isso faz parte! E lembre-se do conselho da sua avó antes de começar um relacionamento ame a si próprio primeiro.

Beijo :)

Veja também: Homem Biodegradável

Anúncios
 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s